em Notícia

Nesta quinta-feira (9), foram entregues as primeiras 60 cestas básicas adquiridas pela APMPA – Associação dos Procuradores do Município de Porto Alegre com as doações dos Procuradores Municipais da Capital. A campanha para distribuição de kits a quem está sem renda durante o período de distanciamento social teve início na sexta-feira (3).

As primeiras cestas foram entregues a associados de duas entidades de catadores da Capital, a Associação Padre Cacique, no bairro Belém Velho, e a Cooperativa Ascat, no bairro Cavalhada. A iniciativa integra campanha organizada pelo Coletivo POA Inquieta com o movimento dos catadores e fórum dos catadores. “Estas ações solidárias são umas das melhores manifestações que poderíamos receber. Pessoas que em tempo de crise ajudam outras pessoas merecem nosso real agradecimento”, comenta Alex Cardoso, representante do Movimento Nacional dos Catadores de Materiais Recicláveis. Coordenadora-geral da Ascat, Pamela Menezes também citou a importância do ato: “Esses alimentos serão fundamentais para nossas famílias catadoras passarem por este momento de pandemia”.

A meta da APMPA é adquirir ao menos 100 cestas com itens de alimentação e higiene básica, cada uma a um custo de R$ 62,00 (sessenta e dois reais). Açúcar, arroz, leite, massa, óleo, farinha, goiabada e feijão estão entre os alimentos de cada cesta, que também inclui produtos como alvejante, desinfetantes, detergente, papel higiênico, sabão em barra e em pó, sabonete, esponja e creme dental.
Participe você também! Contribua com depósito bancário do valor correspondente a uma cesta ou qualquer outra quantia na conta abaixo.

COMO AJUDAR

Banco: 104 – Caixa Econômica Federal (CEF)
Agência: 1851
Operação: 003
Conta: 00002406-0
CNPJ: 91251215/0001-30

Postagens Recentes

Deixe um Comentário